Consumo de café deve crescer 3,5% este ano, estima Abic

Por Alda do Amaral Rocha | De São Paulo Herszkowicz: colheita em 2018/19 não deve ser tão grande quanto se esperava O consumo de café no Brasil pode crescer 3% […]

Blairo já vê fim de embargo dos EUA à carne in natura

Por Kauanna Navarro | De São Paulo O embargo à carne bovina in natura brasileira pelos Estados Unidos chegará ao fim em outubro, informou ontem Blairo Maggi, ministro da Agricultura. […]

CRESCE CAPTAÇÃO DE FUNDOS DE AÇÕES DO BRASIL, APONTA EPFR

Por Eduardo Campos | De Brasília Os fundos de ações e dívida com foco nos mercados emergentes completaram a quinta semana consecutiva de captação de recursos no período encerrado dia […]

INABILITAÇÃO DE EXECUTIVO DO CRUZEIRO DO SUL É MANTIDA

Por Vinícius Pinheiro | De São Paulo O Conselho de Recursos do Sistema Financeiro Nacional, o Conselhinho, manteve a pena de inabilitação de Luis Felippe Índio da Costa e Luis […]

PESSOAS FÍSICAS COMEÇAM A PUXAR VOLTA GRADUAL DOS EMPRÉSTIMOS

Por Sérgio Tauhata | De São Paulo Marcelo Kopel, do Itaú Unibanco: começamos a ver uma melhora na demanda A retomada do crédito já começou. E, embora tenha engatado apenas […]

NOVAS EMPRESAS QUEREM MUDAR COBRANÇA DE DÍVIDA

Por Vinícius Pinheiro | De São Paulo “Não falamos em cobrança nem em negativação, queremos resolver o problema sem conflito”, diz Lahoud, da QueroQuitar! Uma pequena sala com dez funcionários […]

ÍNDICES FINANCEIROS POSITIVOS ANTECIPAM REAÇÃO ECONÔMICA

Por Arícia Martins | De São Paulo Uma espécie de círculo virtuoso começa a se desenhar no mercado financeiro, apesar da crise política que ganhou novos contornos a partir da […]

BIS FAZ ALERTA PARA “DÍVIDA GLOBAL OCULTA” DE ATÉ US$ 14 TRILHÕES

Por Assis Moreira | De Genebra Claudio Borio, chefe do Departamento Monetário e Econômico do BIS: ausência de inflação intriga e eleva tomada de risco O Banco de Compensações Internacionais […]

Carne bovina atiça protecionismo europeu

Por Assis Moreira | De Genebra Juncker, presidente da Comissão Europeia: em busca de entendimento Setores protecionistas da Europa estão alarmados diante de indicações de que a União Europeia pretende […]

GRUPO FLEURY VOLTA A FAZER AQUISIÇÕES

Por Beth Koike | De São Paulo Carlos Marinelli, do Fleury: “Nossa última aquisição foi em 2011 com o Lab’s” Após seis anos sem fechar aquisições, o Fleury volta às […]

17/05/2017

‘É possível ser mais otimista’, diz CEO da Riachuelo

Por Tatiane Bortolozi | De São Paulo

“A previsão de que este seria o ano da retomada está se consolidando”, afirma Flávio Rocha, presidente da Riachuelo

Com um novo modelo logístico, que permite gerir a reposição de produtos nas lojas diariamente, a varejista de moda Riachuelo conseguiu reduzir os estoques e ampliar as margens no primeiro trimestre. A empresa espera novos ganhos operacionais com o aperfeiçoamento do sistema.

“Não tenho dúvida que é possível ser mais otimista para 2017. A previsão de que este seria o ano da retomada está se consolidando; as vendas mostram claramente”, diz o presidente-executivo Flavio Rocha. Segundo ele, o resultado se fortalecerá porque a Riachuelo fez o dever de casa durante a crise econômica e um cenário mais otimista de juros, inflação e confiança do consumidor está se desenhando.

A Guararapes, controladora da Riachuelo, ampliou em 1,9 ponto percentual a margem bruta de janeiro a março de 2017, em comparação com um ano antes, para 53,2%. O lucro líquido somou R$ 110,6 milhões, ante R$ 11,1 milhões em igual período de 2016, impulsionado pela reversão de provisões. Sem esse efeito, os ganhos seriam de R$ 39,6 milhões. Na mesma base de comparação, a receita líquida cresceu 4,6%, para R$ 1,27 bilhão, e o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) ajustado subiu 89,2%, a R$ 163,3 milhões.

Após o resultado, a ação avançou 5,61% ontem na bolsa, para R$ 103,50, a maior cotação desde março de 2013.
Segundo Rocha, o ganho de margem decorre da boa gestão logística, que permitiu reduzir os estoques e acelerar a velocidade de vendas. Com a alta frequência de reposição, a loja tem menos sobras de produtos, as vendas ocorrem mais rápido e são necessárias menos remarcações de preços, o que acaba impulsionando a margem bruta.

A virada para o novo modelo logístico ocorreu em setembro de 2016, com o início da operação do centro de logística de Guarulhos (SP), que é totalmente automatizado e faz a separação de produtos peça a peça, para cada loja. “Toda mudança de sistema traz problemas, por isso acredito que ainda serão revelados muitos ganhos decorrentes do aperfeiçoamento do sistema”, diz Rocha.

A Riachuelo segue progredindo em sua operação, apontou ontem a corretora Brasil Plural em relatório. Os principais pontos positivos, segundo a casa de análise, foram a margem bruta saudável no varejo, que continuou a crescer apesar da maior participação da operação de celulares; e a redução dos níveis de estoques, que, ao lado da alta na margem bruta, sinalizaram uma coleção de moda acertada.

Depois de um salto de três pontos percentuais no indicador de produtividade em bases anuais, a Guararapes deve cuidar da manutenção dos patamares perto de 49% em 2017, disse o diretor financeiro, Tulio Queiroz.

O aumento das despesas operacionais, por sua vez, deve ficar próximo a 5%, um patamar em linha com a inflação e com o informado no primeiro trimestre. “O cenário macroeconômico para a despesa, a nosso ver, é bastante positivo”, afirmou o diretor financeiro. Os principais pontos de pressão, relacionados ao dissídio de funcionários, a custos de ocupação e a despesas com energia elétrica, estão mais amenos.

No primeiro trimestre, a empresa reduziu os investimentos na inauguração lojas, mas aumentou os gastos com reformas e remodelações, uma tendência que deve ser seguida pelo restante do ano. A Riachuelo prevê inaugurar entre 12 e 15 pontos de venda este ano e reformar cerca de 20 lojas, de acordo com Queiroz.

O cenário competitivo deve ser mais equilibrado, diz o diretor, já que as grandes fabricantes estão com estoques mais enxutos e dispostas a proteger suas margens.

Via: Folha de São Paulo — Clipping de notícias de Marcus Herndl Filho, com informações do país e do mundo, além de finanças, economia e demais temas pertinentes.
< Voltar ao início

contato@marcusherndl.com.br

© 2014 - Todos os direitos reservados - Marcus Herndl

Goodae